Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata
Início do conteúdo da página

Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata

O Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) é o processo seletivo para ingresso na carreira de diplomata. Vem sendo realizado, desde 1996, com a regularidade de pelo menos uma vez por ano. Sucede o exame vestibular para admissão no Curso de Preparação à Carreira de Diplomata (CPCD), que vigorou até 1995. Trata-se de concurso de abrangência verdadeiramente nacional, pois todas as fases são aplicadas em todas as capitais estaduais e no Distrito Federal.

A aprovação no CACD habilita o candidato a ingressar no cargo de terceiro-secretário da carreira de diplomata de acordo com a ordem de classificação obtida e a matricular-se no Curso de Formação de Diplomatas do Instituto Rio Branco.

São requisitos para investidura no cargo de terceiro-secretário:

a) ter sido aprovado no concurso;

b) ser brasileiro nato;

c) estar no gozo dos direitos políticos;

d) estar em dia com as obrigações eleitorais;

e) estar em dia com as obrigações do Serviço Militar, no caso dos candidatos do sexo masculino;

f) apresentar diploma de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por universidade brasileira reconhecida pelo Ministério da Educação. Faz-se necessário "Apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior, emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). No caso de a graduação ter sido realizada em instituição estrangeira, caberá exclusivamente ao candidato a responsabilidade de apresentar, até a data da posse, a revalidação do diploma exigida pelo MEC, nos termos do art. 48 da lei nº 9.394/1996."

g) ter idade mínima de 18 anos;

h) apresentar aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, verificada por meio de exames pré-admissionais.

O CACD é constituído de duas fases:

a) Primeira Fase: prova objetiva em formato de teste, de caráter eliminatório, constituída de questões de língua portuguesa; língua inglesa; história do Brasil; história mundial; política internacional; geografia; economia; e direito e direito internacional público.

b) Segunda Fase: provas escritas, de caráter eliminatório e classificatório, constituída de questões de língua portuguesa; língua inglesa; história do Brasil; geografia; política internacional; economia; direito e direito internacional público; e língua espanhola e língua francesa.

Todas as informações sobre o funcionamento do CACD de 2019 podem ser consultadas no edital de abertura do certame clicando aqui

registrado em:
Fim do conteúdo da página