Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Artigos > Notícias > Homenagem > HOMENAGEM - Gilberto Amado
Início do conteúdo da página

Programa de Bolsistas Estrangeiros

Com objetivo inicial de cooperar com países que não possuíam academias diplomáticas e necessitavam formar seus diplomatas no exterior, o programa de bolsistas estrangeiros do Instituto Rio Branco (IRBr) foi criado em 1976.

Nos 42 anos de existência do programa, o Instituto recebeu mais de 260 alunos de mais de 50 países, que participaram das atividades regulares do Curso de Formação de Diplomatas do IRBr.

Esses alunos ingressam no IRBr por meio de bolsas do governo brasileiro ou como intercambistas. Uma das academias que mantém intercâmbio com o IRBr é o Instituto del Servicio Exterior de la Nación (ISEN), da Argentina, que, em geral, envia anualmente dois alunos ao IRBr, o qual, por sua vez, desloca dois diplomatas brasileiros ao seu congênere argentino.

Vale notar que aproximadamente metade dos alunos estrangeiros que integram o programa a cada ano são originários dos países de língua portuguesa.

Além de frequentarem as aulas e palestras do Curso de Formação juntamente com os diplomatas brasileiros, os alunos estrangeiros fazem aulas de língua portuguesa e leituras brasileiras, com o objetivo de estreitar seu contato com a cultura nacional.

Os países que mais enviaram estudantes ao IRBr desde 1976 foram: Argentina (27), Cabo Verde (20), Guiné Bissau (20), São Tomé e Príncipe (19), Suriname (14), Bolívia (14), Angola (11), Haiti (9), Timor Leste (8), Moçambique (8), Gabão (7), Costa do Marfim (6) e Equador (6).

Tradicionalmente, ao término de sua formação no IRBr, os alunos estrangeiros fazem uma breve apresentação relatando sua experiência no Curso de Formação. Na playlist a abaixo é possível assistir às apresentações dos alunos das turmas de 2015-2017 e 2016-2018.

registrado em:
Fim do conteúdo da página